• Portuguiando

O que fazer em Guimarães, Portugal

Atualizado: Set 2

Com seu castelo, igrejas e centro histórico, a cidade guarda encantos da época medieval que são uma aula de história para os visitantes. Veja o que fazer em Guimarães


Conhecer a cidade de Guimarães foi mais agradável do que eu imaginava. Há 45 minutos de carro do Porto, fica essa linda cidade de enorme importância histórica para Portugal. Em um sábado ensolarado de fevereiro os pontos turísticos, apesar de movimentados, não estavam cheios, o que deixou o passeio bem mais aprazível. Há muitas opções de o que fazer em Guimarães que vão te encantar!


O que fazer em Guimarães em um dia


A distância entre o primeiro e o último ponto é de 1,6 quilômetros. Logo, não tenha pressa e curta com calma esse que é considerado o berço de Portugal, onde nasceu D. Afonso Henriques, primeiro rei do país, no ano de 1109. 


Vai viajar? Aproveite o código promocional do Portuguiando na compra do seguro viagem


Castelo de Guimarães

"Aqui nasceu Portugal", essa frase está gravada na muralha do forte que fica no alto de uma colina. Além de passear pelo exterior e subir até as torres, você poderá visitar uma exposição interativa no interior do monumento, com fotos, vídeos e peças da época medieval que ensinam um pouco mais sobre o reinado de D. Afonso.


O castelo foi eleito uma das sete maravilhas de Portugal e Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO e encanta quem quer conhecer a história de Portugal. 

O Castelo de Guimarães é a principal atração turística da cidade

As muralhas do Castelo de Guimarães

Como são os cinemas em Portugal


Igreja de São Miguel

Ao lado do castelo está essa singela capela onde foi batizado o monarca. O lugar não tem muitos atrativos, mas como é caminho para o próximo ponto, vale uma passada de olhos. 

O exterior da singela Igreja de São Miguel

O interior da Igreja de São Miguel

Cinco hábitos que o brasileiro adquire quando vive em Portugal


Paço dos Duques de Bragança

Este palácio abriga obras de arte, réplicas do mobiliário, tapeçaria e armas antigas. A visitação é rápida e muito agradável. A arquitetura do lugar, inspirada nas moradias senhoriais francesas, é de uma beleza ímpar.


O palácio também abriga uma ala destinada à residência oficial da Presidência da República.  

Paço dos Duques de Bragança: arquitetura esplendorosa!

Uma das salas no interior do Paço dos Duques de Bragança

Seis meses em Portugal - um balanço do início dessa nova jornada


Centro Histórico

Um ótimo exemplo de como a cidade evoluiu para uma área turística e cheia de vida. As construções antigas se misturam aos restaurantes com suas inúmeras mesas na calçada. Ali, qualquer lugar serve deliciosas tapas, já pela influência da culinária espanhola.


O lugar é ideal para um almoço tranquilo, apreciando toda beleza e atmosfera medieval da cidade. 

Todo charme do centro histórico de Guimarães

Centro histórico de Guimarães: um ótimo lugar para almoçar e apreciar toda beleza local

O que fazer em Vila Nova de Gaia


Igreja de Nossa Senhora da Oliveira e Padrão do Salado

A construção é um dos principais exemplares de arquitetura gótica no Norte de Portugal, porém sofreu muitas alterações e reformas ao longo dos anos. No interior, há pinturas do século XVIII, de Pedro Alexandrino. 


Do lado de fora, no Largo da Oliveira, bem na entrada da igreja está o Padrão do Salado, um dos monumentos góticos mais emblemáticos da cidade. Ele foi erguido em 1340, em comemoração pela vitória na Batalha de Salado, contra os mouros. 

A Igreja de Nossa Senhora da Oliveira e, em frente, o Padrão do Salado

O interior da Igreja de Nossa Senhora da Oliveira

Visita ao Santuário de Fátima: uma tarde de fé e devoção no coração de Portugal





Igreja de Nossa Senhora da Consolação

É o ponto ideal para se terminar a visitação ao centro de Guimarães. Saindo do Largo da Oliveira, você chega ao Largo da República do Brasil. O caminho até a igreja é todo decorado com flores, em um paisagismo de encher os olhos!


Confesso que dediquei mais tempo ao jardim do que à igreja. Mas a arquitetura barroca da construção reflete toda a imponência e beleza do lugar. Vale a visita!

Igreja de Nossa Senhora da Consolação

Largo da República do Brasil

Verão em Portugal: como aproveitar a estação do ano mais quente e esperada


Teleférico de Guimarães

Se ainda tiver tempo e disposição, vale subir de teleférico até o Monte da Penha, ponto mais elevado de Guimarães. Ali você poderá desfrutar do entardecer apreciando uma vista privilegiada da cidade.

Teleférico de Guimarães

Veja também:

Braga - um dia para conhecer suas maravilhas

Palácio de Queluz – uma visita ao berço da história luso-brasileira

Cabo da Roca: vale a visita?

Sobre nós
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Preto Ícone YouTube

Ana Beatriz - jornalista brasileira, 39 anos, mãe do Matheus e do Tomás, esposa do André, que se apaixonou por Portugal e se mudou de mala e cuia com a família para o Porto. 

André - fotógrafo brasileiro, 47 anos, pai do Pedro, do  Gabriel, do Matheus e do Tomás, marido da Bia, que embarcou junto nessa aventura e, assim como os portugueses, não dispensa um café com natas. 

Juntos, gerimos o Portuguiando, a Art22 Media e a André Furtado Photography

Aproveitamos esse espaço para compartilhar impressões, diferenças e similaridades culturais e dicas de turismo para brasileiros que pensam em se mudar para cá ou simplesmente querem conhecer mais sobre Portugal. 

 

Fale conosco: contato.portuguiando@gmail.com

 

Receba nossos informativos:

© 2023 by Going Places. Proudly created with Wix.com